Júlio Pimenta faz balanço dos 100 dias de governo e mostra a marca da sua administração

Por: Cidinha Hilário
qua
19
abr
2017
Cadernos
Capa, Gerais, Notícias, Ouro Preto
Assuntos
Compartilhar:

Após 100 dias à frente da Prefeitura de Ouro Preto, Júlio Pimenta apresentou as principais ações da administração municipal que marcaram o início da sua gestão e que dão o tom do seu governo.

A apresentação das ações de cada secretaria, conduzida pelo próprio prefeito, levou mais de 3 horas e aconteceu na segunda-feira (10), no auditório da Prefeitura, na presença de vereadores, secretários, imprensa e comunidade.

Júlio abordou a dívida de R$ 43 milhões deixada pela administração anterior e reafirmou que a primeira atitude foi honrar o compromisso com os servidores públicos municipais, quitando a folha de pagamento do mês de dezembro.

“Tivemos que definir prioridades e uma delas foi pagar o salário dos servidores em dia. Inclusive, alteramos a data do pagamento, que antes era feita no dia cinco, e agora está sendo realizada no dia primeiro”, afirma Júlio.

O cuidado com a cidade foi outro ponto priorizado nos primeiros dias. A limpeza da cidade e distritos, dos prédios públicos e operação tapa-buracos foi uma das primeiras medidas a serem percebidas pela população que há muito tempo convivia com lixo, mato e buracos nas vias.

O prefeito destacou a necessidade de buscar parceiras para o desenvolvimento do município dentro do cenário atual. “Tivemos um carnaval grandioso, à altura do nome de Ouro Preto, sem gastar recursos, por meio de um patrocínio recorde. Com isso, conseguimos atrair turistas, fomentar o comércio local e elevar o nome da nossa cidade na mídia, criando visibilidade para Ouro Preto”, ressalta.

A realização do carnaval mostrou a capacidade do governo em estabelecer parcerias que beneficiem a população sem onerar os cofres públicos. Contexto em que também se insere a parceria com o PROLAE para limpeza dos prédios públicos e o lançamento do Programa Intermunicipal de Parcerias Público-Privadas, Concessões e Consórcios, o qual abre portas para a criação, por exemplo, de uma usina de reciclagem na região. Com isso, a administração deixa claro que esse sistema de parcerias será a marca do governo.

O município, agora, negocia a instalação de uma indústria de fabricação de frutas em barra em Cachoeira do Campo, que criará aproximadamente 150 empregos diretos, sem contar os trabalhos no campo.

Além disso, articula também trazer outra indústria para Antônio Pereira, essa ainda em fase inicial de negociação.

A apresentação das ações pelo prefeito reforça a priorização do diálogo com a comunidade, promovendo ações que dão voz ao povo, como os Fóruns Territoriais de Cultura nos distritos e as demais apresentações que já ocorreram durante esses 100 dias de governo.

Ao final, Júlio Pimenta lembrou que este é apenas o começo da administração e que há muito para ser feito ao longo dos próximos 4 anos.

Compartilhar: