Câmara defende instalação de quatro bicicletários em Mariana

Por: Tribuna Livre
sex
31
mar
2017
Cadernos
Sem categoria
Assuntos

Os ciclistas de Mariana podem aguardar uma grande novidade. Atendendo ao requerimento do vereador Juliano Duarte (PPS), a Câmara de Mariana defende a implantação de bicicletários na cidade e já está prevista a instalação em quatro pontos: no Centro de Convenções, na Arena Mariana e duas unidades na avenida Salvador Furtado, próximo aos bancos.

Uma das principais dificuldades de quem pedala é encontrar um lugar seguro para guardar a bicicleta. “O bicicletário é uma oportunidade para incentivar a mobilidade urbana”, destaca o vereador Juliano. “O número de ciclistas vem crescendo muito em Mariana e hoje já ultrapassamos a marca de mais de três mil ciclistas na cidade. Temos eventos de níveis internacionais, como o Iron Biker, e o Bike Enduro realizado pelo município e precisamos incentivar políticas públicas para que o ciclista tenha comodidade ao utilizar as vias públicas”, defende o parlamentar. Ele destaca que outra questão a ser debatida futuramente é a implantação de ciclovias na cidade.

O presidente da Associação dos Ciclistas de Mariana (ACM), Anderson Sinval, participou da reunião realizada na Câmara no dia 14 de março e comemorou a conquista. “A necessidade existe há bastante tempo porque a gente sai com a bike e quando é preciso fazer algo no banco, na lotérica ou em alguma loja no centro não temos um local adequado para estacionar”, pontua Sinval.

Outra reivindicação da ACM com o apoio da Câmara é a instalação de sinalização adequada nas rodovias para resguardar a integridade física dos ciclistas. O presidente da ACM destaca que já foi vítima de atropelamento e que em 2017 já foram registrados três novos casos. “É preciso conscientizar os motoristas que há ciclistas na rodovia treinando e dentro da cidade também é necessário ter sinalização: Mariana é a capital do mountain bike”, defende ele.

O subsecretário de Engenharia e Arquitetura da Secretaria de Obras, Raphael D’Angelo, ficou responsável por elaborar o projeto de instalação dos bicicletários em um prazo de 15 dias. “Vamos fazer por etapas: faremos um protótipo de um bicicletário para pedir autorização ao IPHAN [Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional], por se tratar de implantação dentro do perímetro histórico, e vamos buscar parcerias com o setor privado para execução”, afirma. A coordenadora de serviços de urbanismo da secretaria, Mariane Franco, acompanhou o debate.

Também participaram da reunião os vereadores Adimar Cota (PSC), Cristiano Vilas Boas (PT), Deyvson Ribeiro (SD), Gerson Cunha (PSC) e Marcelo Macedo (PSDB), além do subsecretário de Eventos Esportivos, Bruno Freitas, e do Guarda Municipal Freitas. Durante a reunião, foi defendida a necessidade de zeladoria nos bicicletários.

* Departamento de Comunicação